Clique nos títulos abaixo para abrir os livros
..
B - Encarregado de ouvir o vento C - Creio nas miragens D - Creio nas estrelas
E - M de Maria F - Wandarylho G - Olhando no espelho
H - Boa noite, noite J - Dores do Parto L - Outros poemas
M - Feliz tempestade, albatroz! N - Quase Contos P - Pôr do Sol!
teste de titulo
     
 

L000 Outros Poemas
L001 Os homens permanecem
L002 Ouço o silêncio da brisa
L003 Quando abro a janela
L004 Reparei nas crianças
L005 Meus poemas
L006 Queria fazer
L007 Quem és, Deus?
L008 Sonho que a vida
L009 Meu violão
L010 Você que vive
L011 Você sabe apenas
L012 Choro, Maria
L013 A hortênsia
L014 A sabedoria será falsa
L015 A gente se aguardachuva
L016 Há momentos
L017 Hoje a chuva caiu
L018 Hoje
L019 As plantas
L020 Botei o papel na máquina
L021 Chegou a estação
L022 Com todo amor
L023 Comentar
L024 Como é bom
L025 Como o amante
L026 Desperta, Maria
L027 Desvende, Maria
L028 É preciso parar
L029 Entra neste meu poema
L030 Eu era só
L031 A vontade do homem
L032 Eu peço, Maria
L033 Aprender supõe
L034 homens
L035 Menina tagarela
L036 Mesmo que
L037 Meu bem
L038 Meu tempo se esgotou
L039 Nada fiz na vida
L040 Não suporto mais
L041 Nas claras noites de lua
L042 Nasceu Maria
L043 Noite afora
L044 Noite meia
L045 O universo aspira pelo ápex
L046 Olho o céu estrelado
L047 Procurei a certeza
L048 Quero vagar pela noite
L049 Quero me sentir sozinho
L050 Sai deste útero
L051 Saudades
L052 Se nossa torre de babel
L053 Sonhar é viver
L054 Sou maior que o mundo
L055 Suave, serena e lisa
L056 Tão calma te contemplo
L057 Você chegou
L058 Sou barco de papel
L059 Eu quero minha história
L060 A vida é um camponês
L061 Hoje, chegou-me



L005.Meus poemas,

desde os primeiros,

não pergunte quando nasceram...

São todos de agora,

os mais antigos,

de hoje cedo.

 

 
Copyright ® 2008-2014 Aprendiz de Humano - Todos os direitos reservados.

" É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor".